“Nossa primeira meta são os 45 pontos”, projeta Bruno Pacheco para o Ceará no Brasileirão | Ceará Sporting Club | Time – Notícias – Jornal Notícias do Ceará

Bruno Pacheco, lateral-esquerdo do Ceará (Foto: Wilton Hoots/Ceará SC)

Restando 12 jogos para o fim do Brasileirão, o Ceará está bem próximo do primeiro objetivo na competição, que é a permanência nela para a edição de 2021. Com 36 pontos, resta a soma de nove para atingir a marca de 45 pontos, número que normalmente garante a permanência na elite do futebol brasileiro. Em entrevista coletiva guiada cedida nesta terça-feira, 5, o lateral-esquerdo do Vovô, Bruno Pacheco, admitiu que a manutenção na Série A é a primeira meta, mas vagas na Copa Sul-Americana ou na pré-Libertadores são almejadas logo em seguida.

“Traçamos metas desde o início da competição, com o presidente e o elenco. Nossa primeira meta são os 45 pontos. Temos que ter humildade, estamos perto disso. Para a gente conseguir vaga na Sul-Americana, na Libertadores, temos que primeiro atingir 45 pontos. Tijolo por tijolo e chegamos lá”, explicou.

Bruno Pacheco ficou marcado pela regularidade em 2020. Ele participou de 50 jogos do Alvinegro de Porangabuçu no ano e foi o quinto atleta de linha no mundo com mais minutos acumulados, 4.162. Ele falou sobre os motivos que o levam a estar constantemente saudável e em campo.

“Mais um ano regular. Tenho essa marca de sempre estar jogando, mantendo regularidade. Não tenho histórico de lesão. Fico feliz de estar bem, de ajudar, acrescentar. Vocês não vão me ver dizendo estar satisfeito com minhas atuações. Vou procurar evoluir sempre”, disse.

O próximo compromisso do Ceará será diante do Internacional-RS, quinta-feira, 7, às 19 horas, na Arena Castelão, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Colorado não terá a presença do atacante Thiago Galhardo, suspenso. No primeiro turno, o ex-atacante do Vovô fez valer a “lei do ex” e marcou os dois gols da vitória dos gaúchos contra os cearenses. Bruno Pacheco comentou a ausência do artilheiro do Brasileirão, com 16 gols.

“Sabemos da qualidade do Galhardo, do excelente atleta que ele é. Joguei várias vezes contra ele. Temos que saber que o time do Inter é muito forte, com ele ou não. Mas temos que estar preparados para enfrentar o melhor Inter. Respeitando eles, mas temos que buscar nossos objetivos”, ressaltou.

Por , em 2021-01-05 18:50:00


Fonte www.opovo.com.br

Redação

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: