Análise: Ceará vence o Fla aliando entrega tática e qualidade de jogo – Jogada – Jornal Notícias do Ceará

Executar com perfeição uma estratégia de jogo não é tarefa fácil no futebol, exigindo uma entrega colossal dos jogadores em campo. E quando a vitória vem assim e diante de um adversário poderoso como o Flamengo, atual campeão brasileiro e continental, é de se tirar o chapéu. Foi um Ceará gigante no Maracanã, executando seu plano de jogo de forma perfeita e vencendo o Flamengo por 2 a 0 com autoridade. 

O Vovô soube desde o início encaixar seu jogo diante do Flamengo, cada vez mais pressionado sob o comando de Rogério Ceni.

As linhas de marcação eram muito bem definidas: duas linhas, com Lima e Léo Chú fechando os espaços, auxiliando Fernando Sobral e Fabinho na marcação. Apenas Cléber e Vina jogavam mais à frente, iniciando a criação de jogadas. Com uma estratégia sem erros, o Ceará marcou muito bem o Flamengo e achou espaços para contra-atacar.

Com marcação encaixada e intensidade muito acima do adversário, o Vovô não demorou para ter as melhores chances e, logo aos 12 minutos, abriu o placar: Lima inverteu jogo para Léo Chú, que deu passe perfeito rasteiro para Vina. O meia do Vovô bateu forte, sem chance para César: 1 a 0 para o Vozão.

Coletivamente, a partida do Ceará era acima da média, com todos os jogadores desempenhando perfeitamente suas funções. E a defesa foi muito testada nas investidas rubro-negras, com jogadores de qualidade para construção de jogo, mas os dois zagueiros do Ceará – Luiz Otávio e Tiago Pagnussat – foram soberanos nos duelos pelo alto e pelo chão, assim como os laterais Bruno Pacheco e Eduardo.

Enclausurado na marcação alvinegra, o Flamengo foi criar apenas aos 26 minutos: em tabela com Pedro, Arrascaeta finalizou de dentro da área para defesa de Richard.

A partir dali, o Flamengo intensificou a pressão, embora desordenada, sem deixar o Ceará sem saída de jogo.

Foi quando, finalmente, aos 42 minutos, o Alvinegro encaixou outro contra-ataque, com Cléber servindo Vina, que bateu para fora.

Definiu

No 2º tempo, o Ceará voltou com a mesma proposta de se defender e sair nos contra-ataques para decidir o jogo. 

Mas diferente do 1º tempo, quando atacou com qualidade, na etapa final, o time recuou e sofreu muita pressão. Mas abnegação e entrega defensiva foram notáveis.

Desde o início, o Fla teve mais espaços na intermediária para pensar o jogo e tentar finalizar. Os espaços foram muitos, com Arrascaeta, Gerson e Everton Ribeiro rodando a bola, mas a defesa alvinegra tirava todas.

Quando passava pela defesa, Richard salvava: aos 23 minutos, Arrascaeta achou Isla no meio, que tocou para Pedro exigir grande defesa do goleiro alvinegro.

Com a pressão rubro-negra, Guto Ferreira fez mudanças, com Charles, William Oliveira, Kelvyn e Saulo, deixando a equipe mais encorpada para se defender e contra-atacar.

E, aos 44 minutos, a chance de definir o jogo apareceu e o Vovô não desperdiçou. Após contra-ataque, Kelvyn recebeu na esquerda e bateu no canto para marcar o 2º gol.

Foi o gol de uma equipe que desde o inicio soube ler a partida e utilizar a melhor estratégia para superar um grande rival e continuar sonhando alto na Série A. Com 39 pontos, o Vovô sonha cada vez mais com vaga na Libertadores. E futebol, o Vovô tem de sobra para sonhar.

Ficha técnica:

Campeonato Brasileiro – Série A

Maracanã, no Rio de Janeiro

10 de janeiro de 2021 

Flamengo 0

César; Isla (Vitinho), Rodrigo Caio, Gustavo Henrique (Diego) e Filipe Luís (Renê); Willian Arão, Gerson, Everton Ribeiro (Gabigol), Arrascaeta; Bruno Henrique e Pedro (Rodrigo Muniz). Técnico: Rogério Ceni 

Ceará 2 

Richard; Eduardo, Tiago (Klaus), Luiz Otávio, Bruno Pacheco; Fabinho (Kelvyn), Fernando Sobral, Vina, Lima (Charles); Léo Chu (Saulo Mineiro) e Cléber (William Oliveira). Técnico: Guto Ferreira

Árbitro: Paulo Roberto Alves Junior (PR); Gols: Vina e Kelvyn (Ceará); Cartões amarelos: Gustavo Henrique e Gerson (Flamengo); Richard (Ceará).



Quero receber conteúdos exclusivos de esporte





Por , em 2021-01-10 23:04:02


Fonte diariodonordeste.verdesmares.com.br

Redação

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: