falha contra Ceará vem após desabafo em rede – Jornal Notícias do Ceará

Um erro de Tiago Volpi na saída de bola do São Paulo culminou em gol do Ceará no empate por 1 a 1, na noite de ontem (10), pela 35ª rodada do Brasileirão. O goleiro tentou drible sobre Léo Chú, perdeu a posse e viu o oponente estufar a rede de sua equipe no Morumbi. A falha culminou em críticas dos torcedores ao atleta de 30 anos, que foi poupado pela comissão técnica no vestiário do estádio.

Devido ao equívoco de um dos líderes do grupo e após mais um tropeço, o treinador Marcos Vizolli pediu ao elenco para não se manifestar após o jogo no Morumbi. A recomendação era para que os atletas só voltassem a falar sobre o tema no treino de hoje (11), previsto para as 16h (de Brasília), no CT da Barra Funda. O intuito do interino era proteger o goleiro depois de uma falha tão gritante.

Momentos antes do deslize que resultou no gol anotado por Léo Chú, aliás, o dono da camisa 1 já havia recebido pressão de dois adversários e, por pouco, não teve a posse de bola roubada. Ele conseguiu reagir e afastar o perigo na ocasião, dentro da área, talvez correndo ainda mais riscos.

As duas situações, em meio à crise do São Paulo, que não vence há sete jogos no Brasileirão, evidenciam que os problemas do clube atingem até os atletas mais estáveis. Um dos veteranos do elenco, o jogador teve que ser defendido por Vizolli.

“Ele não disse nada [no vestiário]. Quando nós chegamos ao vestiário, proibi qualquer conversa. O melhor agora é o silêncio. Amanhã, temos tempo hábil para dialogar, esquecer tudo. O Volpi fez muitos milagres para o São Paulo. O Volpi já fez milagres para o São Paulo, ele já fez grandes defesas, defendeu pênalti. Temos um treinador de goleiros que é o Marquinhos, que vai saber colocá-lo rápido no próximo jogo. Ele já tem esse trabalho [de saída com os pés] realizado no momento do jogo”, afirmou o interino.

“As pessoas olham o ato. Depois desse ato, tinha um jogador caído, não tinha participação em nada com a jogada, o Volpi foi lá e o levantou. Essas coisas, o torcedor precisa saber. Sem dúvida, ele ficou triste e chateado, não vai fazer mais isso, porque se fizer na segunda vez, é complicado. Aquele ato, que ele teve de levantar o jogador que não tinha participação na jogada, fez com que ele crescesse de novo e conseguíssemos o empate.”

O momento de oscilação de Tiago Volpi surge justamente depois de o goleiro precisar se explicar sobre uma notícia falsa que abordava uma possível saída do Morumbi. Na ocasião, ele recorreu às redes sociais para negar que tenha cogitado deixar o clube no mercado da bola. Os rumores surgiram após o goleiro ficar dois dias sem treinar.

“Desde que cheguei aqui, demonstro meu caráter, e com muito empenho e profissionalismo, trabalho diariamente neste clube. Infelizmente, não pude treinar nos últimos dois dias por conta de um problema nas costas e em breve estarei liberado. Decidi voltar ao Brasil para defender o São Paulo por conta de sua rica história e pela honra que é poder vestir essa camisa. Tenho contrato até dezembro de 2023 e pretendo cumpri-lo com muita dedicação e esforço”, escreveu o atleta.

Por , em 2021-02-11 04:00:00


Fonte www.uol.com.br

Redação

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: