Agefis fiscalizou 343 comércios desde o início do decreto de isolamento social rígido em Fortaleza; 12 foram interditados | Ceará – Jornal Notícias do Ceará

A Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis) fiscalizou 343 estabelecimentos comerciais desde o início do decreto de isolamento social rígido, em 5 de março, até este sábado (13). Desses, 27 locais foram autuados por descumprimento ao novo decreto contra o avanço do novo coronavírus e 25 foram notificados. As ações são realizadas após denúncias. O trabalho também coíbe a realização de feiras, que estão proibidas.

Conforme a Agefis, quatro ocorrências de aglomerações foram encerradas, 15 feiras irregulares desativadas e 12 estabelecimentos interditados por descumprimento ao decreto estadual. Nesse mesmo período, quatro paredões de som foram apreendidos.

As feiras foram encerradas nos bairros Messejana, São Cristóvão, Gentilândia, Goiabeiras, Parangaba, Vila Velha, Barra do Ceará, Canindezinho e Demócrito Rocha. Os agentes também realizaram a ação preventiva para impedir o funcionamento de mais 10 feiras tradicionais na cidade.

As ações de fiscalização contam com a participação da Inspetoria de Proteção Ambiental (Ipam), da Guarda Municipal de Fortaleza (GMFor), da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) e do Batalhão de Polícia de Meio Ambiente (BPMA).

Denúncias de irregularidades podem ser feitas por meio do aplicativo Fiscalize Fortaleza (disponível para Android e IOS), através do site denuncia.agefis.fortaleza.ce.gov.br e do telefone 156. Denúncias sobre aglomerações também podem ser comunicadas ao 190.

Assista às notícias do Ceará no G1 em 1 Minuto:

Por , em 2021-03-14 21:32:00


Fonte g1.globo.com

Redação

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: