Supermercado em Fortaleza registra aglomeração após boatos de fechamento dos estabelecimentos | Fortaleza – Jornal Notícias do Ceará

As aglomerações se formaram após circulação de boatos que os supermercados fechariam em nova determinação do Governo do Estado. (Foto: Aurelio Alves)

Supermercado no bairro José Bonifácio, em Fortaleza, registrou aglomerações na tarde desta terça-feira, 16, após a circulação de boatos que dizem que os estabelecimentos funcionariam apenas por delivery. O rumor foi negado em transmissão ao vivo nas redes sociais pelo governador Camilo Santana (PT). Ele disse que qualquer decisão será repassada à população nas redes sociais oficiais do governo.

O gerente do estabelecimento, Francisco Jean, explicou que o movimento aumentou significativamente durante a tarde, quando a notícia falsa começou a circular nas redes sociais, e vários clientes passaram a questionar os funcionários sobre a operação do supermercado nos próximos dias.

Clique na imagem para abrir a galeria

A auxiliar financeira Fernanda Nepomuceno resolveu antecipar as compras quando recebeu a mensagem falsa sobre o fechamento. Ela explicou que temia que amanhã houvesse uma aglomeração ainda maior e buscou o supermercado. “Sei de muita gente que está trabalhando e viria depois do trabalho ou amanhã, caso a notícia fosse confirmada”, esclarece.

Em uma unidade da rede de supermercados Cometa, no bairro Aldeota, o movimento estava tranquilo no fim desta tarde, apesar do registro de longas filas na parte exterior do local. Alguns clientes estavam comprando quantidades de produtos acima do que costumam adquirir normalmente, com medo que a medida fosse verdade. “Eu faço compras para minha casa e dos meus sogros e vim fazer um mercantil extra para garantir. Comprei um pouco mais para prevenir de não faltar coisas essenciais”, explicou o representante comercial Everton Costa.

O funcionamento de estabelecimentos considerados essenciais, como supermercados e farmácias, continua seguindo as determinações estabelecidas em decreto estadual na última semana. A medida, que visa conter o avanço de casos no Ceará, segue em vigor até o dia 21 de março em todo o Ceará.

Com informações do fotojornalista Aurélio Alves/O POVO

Por , em 2021-03-16 21:38:00


Fonte www.opovo.com.br

Redação

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: