Governo do Ceará autoriza a construção do ramal Aeroporto do VLT Parangaba-Mucuripe – Jornal Notícias do Ceará







11 de novembro de 2021 – 14:12
#aeroporto #Fortaleza #hub #integração #metrofor #mobilidade urbana #VLT


Larissa Falcão – Ascom Casa Civil – Texto

Carlos Gibaja e Tatiana Fortes – Fotos


Com investimento de aproximadamente R$ 39 milhões, o novo ramal vai melhorar a mobilidade urbana em Fortaleza, beneficiando moradores e turistas

O governador Camilo Santana assinou, nesta quinta-feira (11), a ordem de serviço para a construção do ramal que ligará o VLT Parangaba-Mucuripe ao Aeroporto Internacional de Fortaleza. Com obras já iniciadas, o novo ramal inclui a construção de estações em frente ao Aeroporto e na Avenida dos Expedicionários. Participaram da assinatura o prefeito de Fortaleza, José Sarto; o secretário da Infraestrutura, Lucio Gomes; o diretor-presidente do Metrô de Fortaleza, Igor Ponte; e demais autoridades.

Apresentando o canteiro de obras da estação da Avenida dos Expedicionários, o governador destacou que o ramal integra as ações executadas, em parceria com a Prefeitura de Fortaleza, para garantir mais mobilidade urbana na Capital . “Nós sabemos que milhões de fortalezenses utilizam o transporte público todos os dias. Fortaleza tem investido muito em transporte de ônibus e corredores de ônibus na Capital. E o papel do Estado tem sido investir no setor de Metrô e VLT. Hoje estamos com toda a Linha Sul funcionando das cinco da manhã até meia-noite. Temos também uma linha que une toda a Região Metropolitana até o Centro de Fortaleza”, explicou.

O ramal Aeroporto terá 2,4 km de extensão, sendo 0,9 km em elevado. As novas estações estarão localizadas em uma futura praça, a ser construída na Avenida dos Expedicionários, e a outra, em frente ao Aeroporto Pinto Martins. Integrada à primeira estação, também será construída uma nova, a 11ª do VLT Parangaba-Mucuripe, e ficará entre as estações Montese e Vila União, já existentes. Já a Estação Aeroporto, que será elevada, se localizará na Av. Senador Carlos Jereissati, se interligando à passarela já existente sobre a via, com acesso por meio de escadas fixas, rampas e elevador. A previsão é de conclusão em 2022. O investimento previsto é de R$ 39 milhões.

O governador falou do impacto dessa ampliação para o setor de turismo. “A estação Aeroporto vai ficar em frente ao Aeroporto, e ela vai servir tanto para a comunidade que mora do outro lado do Aeroporto, como para todos os passageiros que chegarem no Aeroporto e quiserem pegar o Metrô para ir ao Papicu ou o VLT ao Iate (Mucuripe), onde fica todo o setor hoteleiro e praias”, afirmou Camilo Santana.

Para o prefeito de Fortaleza, a obra representa o compromisso em oferecer um trânsito mais seguro, confortável e sustentável para os fortalezenses e turistas. “Nós estamos dando prioridade ao pedestre, ao ciclista e ao transporte público de massa, que é o Metrô. [O Metrô] É o meio que tem o melhor custo-benefício para população, porque transporta mais rápido e mais gente, é menos poluente e mais barato. O Metrô vem de anos de uma luta incansável, porque é uma obra cara. O Brasil não optou por esse modal na década de ouro em que se fazia isso. Mas agora nós estamos correndo atrás do tempo e prejuízo. Esse é mais um passo importante para Fortaleza integrar os modais [ferroviário, rodoviário e aeroviário] ”, justificou José Sarto.

O titular da Seinfra, Lucio Gomes, ressaltou que a integração contribui para melhorar positivamente a locomoção dos trabalhadores que moram na Região Metropolitana de Fortaleza e utilizam o VLT. “O ramal VLT Aeroporto vai trazer benefício não só para a comunidade de Fortaleza, mas até para a própria Região Metropolitana. É um equipamento moderno que pretende dar contribuição a essa retomada na pandemia”.

“Muita gente da Região Metropolitana só consegue acessar o seu trabalho, sair de casa e ir para o Centro [de Fortaleza] lutar pelo seu meio de vida porque o metrô tem uma passagem de baixo custo”, reforçou Igor Ponte, diretor-presidente do Metrô de Fortaleza.





Por , em 2021-11-11 14:12:00


Fonte www.ceara.gov.br

Redação

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: