Soldado que morreu em treinamento do Exército foi vítima de doença cardíaca, conclui perícia – Jornal Notícias do Ceará

No último dia 21 de outubro, um soldado do Exército Brasileiro (EB) morreu durante um treinamento no município de Maranguape, na Região Metropolitana de Fortaleza. O homem tinha 19 anos e foi vítima de uma cardiomiopatia hipertrófica, um tipo comum de doença cardíaca. A conclusão foi do Núcleo de Patologia Forense (Nupaf) e descarta que a morte do soldado tenha ocorrido por violência ou fatores externos.

A doença é caracterizada pelo engrossamento do músculo do coração e dificulta o bombeamento do sangue. De acordo com o médico perito legista, Anderson da Silva Costa, supervisor do Nupaf da Pefoce, havia a suspeita de que a vítima teria sofrido um empurrão e batido a cabeça, gerando um traumatismo cranioencefálico. Durante as perícias realizadas o fato não se confirmou.

“A gente fez a averiguação e o exame patológico, composto por três fases: a macroscopia, realizada nos órgãos que pudessem estar envolvidos/lesionados; em seguida, amostras desses órgãos passaram por um processador de tecidos e laminação; por fim, foram analisados microscopicamente, etapa em que foram localizadas as alterações características da cardiomiopatia hipertrófica”, concluiu.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Com essa análise detalhada nos tecidos do coração da vítima, foi constatado que o coração estava com as paredes aumentadas. “Ele tinha a doença cardíaca. Muito provavelmente teve uma arritmia por conta da cardiomiopatia hipertrófica e veio a falecer”, frisou o supervisor do Nupaf.

Os laudos periciais foram encaminhados para a Delegacia Metropolitana de Maranguape da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), que instaurou um inquérito policial. A unidade realiza oitivas e diligências para concluir o procedimento, inicialmente, registrado como morte suspeita.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Por , em 2021-11-11 11:51:00


Fonte www.opovo.com.br

Redação

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: