Suspeito de matar líderes de organização criminosa do Ceará é preso em SC – Jornal Notícias do Ceará

Um homem, de 37 anos, foi preso nesta quinta-feira (11), pela Polícia Federal no bairro Coqueiros, em Florianópolis. Com prisão preventiva decretada pela Justiça do Ceará desde 2018, o homem é um dos supostos autores do homicídio de Rogério Jeremias de Simone e Fabiano Alves de Sousa, considerados líderes de uma organização criminosa. O crime ocorreu no dia 15 de fevereiro de 2018, na cidade de Aquiraz, no Ceará.

O suspeito, natural de São Paulo, morava em Florianópolis e utilizava uma identidade falsa. A prisão havia sido decretada pelo Juízo da Comarca de Aquiraz desde agosto de 2018. Denunciado pelos crimes de homicídio e organização criminosa, desde então se encontrava foragido da justiça do Ceará.

As investigações que resultaram na localização, tiveram início a partir de informações recebidas pela Polícia Federal de que o suspeito estaria residindo em Florianópolis e se utilizando de documentos falsos. A partir do acompanhamento da rotina do investigado, foi possível a confirmação de sua identidade e, no final da tarde desta quinta-feira, realizar o cumprimento do mandado de prisão.

O suspeito foi encaminhado a estabelecimento prisional, onde permanecerá preso à disposição do Juízo da Comarca de Aquiraz.

>> SIGA O SCC10 NO TWITTER, INSTAGRAM FACEBOOK.

Receba as principais notícias
do SCC10 no seu WhatsApp



Por , em 2021-11-11 22:34:00


Fonte scc10.com.br

Redação

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: