Leopardos-das-neves morrem de complicações de Covid-19 em zoológico nos EUA – Jornal Notícias do Ceará

Três leopardos-das-neves do Lincoln Children’s Zoo, em Nebraska, nos Estados Unidos, morreram de complicações causadas pela Covid-19, anunciaram os funcionários do zoológico na sexta-feira (13).

“Nossos leopardos, Ranney, Everest e Makalu, eram amados por toda a nossa comunidade dentro e fora do zoológico”, disse a instituição em uma publicação no Facebook. “Esta perda é verdadeiramente dolorosa e estamos todos juntos de luto”.

Os leopardos-das-neves são nativos das áreas montanhosas da Ásia Central e são considerados uma espécie vulnerável à extinção, de acordo com o World Wildlife Fund (WWF).

No mês passado, o zoológico disse que os leopardos e seus tigres de Sumatra testaram positivo após apresentar sintomas consistentes com os causados pelo vírus. Os animais foram tratados com esteroides e antibióticos para prevenir infecções secundárias, afirmou o zoológico na época.

“Os tigres de Sumatra, Axl e Kumar, tiveram uma recuperação aparentemente completa de sua doença”, disseram autoridades do zoológico na sexta-feira. A Covid-19 foi detectada em vários mamíferos, incluindo grandes felinos, primatas, furões e martas, de acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), dos Estados Unidos.

O zoológico permanece aberto “e continua a tomar todas as precauções para evitar a disseminação da Covid-19 para humanos e animais”, informou no Facebook.

“Continuaremos seguindo as diretrizes da Associação Americana de Veterinários de Zoológicos (AAZV) e do CDC para garantir a segurança de nossos animais, equipe e comunidade”, disse a publicação.

Um leopardo-da-neve no zoológico de San Diego testou positivo em julho e três leopardos-da-neve no zoológico de Louisville foram infectados com a doença em dezembro passado.

(Texto traduzido. Clique aqui para ler o original em inglês)

Por , em 2021-11-13 21:42:00


Fonte www.cnnbrasil.com.br

Redação

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: